Fórum Cifras - Índice do Fórum
FAQFAQ PesquisarPesquisar MembrosMembros GruposGrupos RegistrarRegistrar  
PerfilPerfil Entrar e ver Mensagens ParticularesEntrar e ver Mensagens Particulares EntrarEntrar 

Jogando Deus Para O Escanteio
Ir à página Anterior  1, 2
 
Novo Tópico   Responder Mensagem    Fórum Cifras - Índice do Fórum -> Música Sacra
Exibir mensagem anterior :: Exibir próxima mensagem  
Autor Mensagem
prsergioleite



Registrado em: Domingo, 24 de Janeiro de 2010
Mensagens: 187

MensagemEnviada: Seg Abr 12, 2010 4:28 am    Assunto: Responder com Citação

Permite me uma explicacao:
No conceito biblico nao existem Musicos/Cantores que sao Cristaos, no conceito biblico somente existem Cristao que sao Musicos/Cantores.
No mundo se canta, na igreja se louva e adora. Teoricamente as igrejas evangelicas somente utiliza musicos/cantores que sao evangelicos.
Se um determinado cantor/musico famoso secularmente, entra em uma igreja evangelica, ali, naquele momento ele e' apenas visitante.
A palavra NAO sera' dada 'a ele para cantar/tocar. A praia NAO e' dele.
No Reino Espiritual as coisas sao bem diferente do reino natural.
A Biblia deixa bem claro que o culto 'a Deus e' aberto a todos, porem, no altar, so' ministra quem e' servo dEle.
Ser servo e' muito alem de apenas crer ou acreditar....ser servo e' viver sob a influencia dEle.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
juriscode
Administrador
Administrador


Registrado em: Quinta-Feira, 11 de Novembro de 2004
Mensagens: 8842
Localização: Iporã/PR

MensagemEnviada: Seg Abr 12, 2010 10:48 am    Assunto: Responder com Citação

Mas se fosse assim os pastores seriam apenas pastores, não podiam ter outro trabalho.

Quando o músico toca na Igreja para louvar a Deus e nos botecos ou palcos da vida para pagar as contas, ele não está usando um dom de Deus para fins não cristãos, pelo contrário, está dando de si para a Igreja.

Não se pode confundir essas coisas.

Até porque, se fosse assim, nenhum cristão poderia trabalhar em banco, porque o banco empresta com usura.

Não poderia trabalhar Nos Foruns porque no forum não triunfa a misericórdia.

É um belo ponto de vista o de entrega total à causa de Deus, na Igreja Católica o padre vive em função disso, nem família o padre tem que é para não consumir a atenção que ele deve aos paroquianos, mas seria estranho exigir o mesmo dos grupos de música e demais pessoas que colaboram com as celebrações (Ministros), já que eles não ganham um tostão furado para tocar na Igreja e precisam pagar as contas.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário MSN Messenger
prsergioleite



Registrado em: Domingo, 24 de Janeiro de 2010
Mensagens: 187

MensagemEnviada: Seg Abr 12, 2010 2:10 pm    Assunto: Responder com Citação

Aqui vao algumas explicacoes biblicas:
a) Alguns pastores trabalham porque a igreja nao e' suficiente economica para sustentar-los.
Se a igreja tem condicoes de sustentar-lo ele nao deve trabalhar fora. Se ele faz isso, esta' errado.
Ele deve sair do servico secular ou entregar a igreja para outro.
b) Nenhum musico que toca na igreja, toca nos palcos da vida ou vice-versa. Se acontece isso, esse musico falta uma genuina experiencia com Deus pois o entendimento espiritual dele dele ainda esta' bloqueado.
O inimigo negocia, Deus NAO.
c) Todo trabalho honesto e que nao compromete nossa imagem como servos do Altissimo perante o proprio Deus e o povo e' licito e nao interfere. A Biblia e' cheia de referencias sobre isto. Exemplo, trabalhar num banco nao denigre ninguem. Jesus falou sobre depositar no banco e colher juros. As manipulacoes dos patroes deles e' que vao ser objeto de julgamento. De uma olhada dentro da igreja: a igreja esta' cheia de ex isso, ex aquilo, etc mas ninguem vive do mesmo jeito que entrou. Quando Jesus entra na vida de alguem sempre ha' mudancas, Ele limpa, Ele restaura. Ele tambem abre novas portas para o sustento. Um dos atributos de Deus e' " Jeova' Jireh ( O Deus que prove )
d) Alguns servicos/trabalhos existem porque o homem existe ( ensino, hotelaria,agricultura, construcao, etc ) porem alguns servicos/trabalhos existem por causa da entrada do pecado no mundo ( sistema judicial, medicina, servicos sociais, fast food, etc ), trabalhar em qualquer desses servicos/trabalhos nao afetam o relacionamento com Deus ( Lucas era medico, Mateus cobrava impostos, etc ).
e) A Bilbia e' bem clara que ter familia e' uma dos requerimentos para quem aspira o Ministerio. ( varios apostolos levavam suas esposas durante as viagens missionarias ) Viver isolado e separado do mundo nao e' uma decisao biblica para um relacionamento mais estreito com Deus. Eu estaria sendo inutil para o Reino de Deus. A gente se isola para um tempo de consagracao, mas volta depois para atuar na sociedade. Deus que luz que ilumina e sal que salga.
Nao so sentido de julgar, mas sim no sentido de servir 'a Deus e influenciar os outros.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
juriscode
Administrador
Administrador


Registrado em: Quinta-Feira, 11 de Novembro de 2004
Mensagens: 8842
Localização: Iporã/PR

MensagemEnviada: Seg Abr 12, 2010 3:13 pm    Assunto: Responder com Citação

Outras explicações bíblicas como não tentarás o Senhor teu Deus

Se o pessoal ler só as suas postagens e colocar na cabeça que quer viver da música sacra e abandonar os palcos, se ele fracassar nessa e ainda perder o emprego dele como músico secular, ele vai falar que Deus não prouve e que a culpa da miséria dele é da Igreja.

Não vamos ser como os judeus que quando tocam em algm que eles consideram impuros, eles lavam as mãos, tem que tomar banho...

Na festa da páscoa, um judeu pegou o Francisco Arguello (barbudo, com solidéu na cabeça) pelo braço porque precisavam formar grupos de 10 pessoas para meditar a Torah. Daí quando o Francisco Arguello falou que era católico estragou a páscoa daquele judeu porque ele tocou em um impuro ¬¬' Kiko Arguello um impuro.

E sim, temos excelentes músicos da noite tocando na Igreja, principalmente no Caminho Neocatecumenal. Se aparecer outra fonte de renda eles mudam de ramo, mas senão eles continuam.

Há uns dois finais de Semana a banda tocou com o Túlio e Thiago, tem evangélico na banda também. Acho q eles são da Igreja Batista.

No caso das Igrejas evangélicas é um pouco mais interessante porque eles aprendem música na própria Igreja, mas nas Igrejas católicas dificilmente tem estudo nesse sentido.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário MSN Messenger
prsergioleite



Registrado em: Domingo, 24 de Janeiro de 2010
Mensagens: 187

MensagemEnviada: Ter Abr 13, 2010 3:02 am    Assunto: Responder com Citação

juriscode escreveu:
...não tentarás o Senhor teu Deus...

...Se o pessoal ler só as suas postagens e colocar na cabeça que quer viver da música sacra e abandonar os palcos...

...E sim, temos excelentes músicos da noite tocando na Igreja...

..No caso das Igrejas evangélicas é um pouco mais interessante porque eles aprendem música na própria Igreja...


Por gentileza, me perdoe, mas o seu conceito de " tentar 'a Deus " difere do contexto biblico. No contexto espiritual, " tentar 'a Deus " e' duvidar do que Ele faz ou fala ou e'. ( Exodus 17:1-7 ) Isso e' bem diferente de tomar uma decisao baseada em uma palavra Biblica.

Ninguem que recebe 'a Jesus, vive na mesma vida que antes. Deus usa a sua igreja e supre novas portas ( Salmo 23 ).

Um servo do Senhor, toca na igreja mas nao toca no mundo. Sao duas esferas diferentes, naturezas contrarias. Por isso a gente nao faz isso, ha' um relacionamento e comunhao com Deus em jogo. Estou falando de " Servos do Senhor ", pessoas comprometidas com o Senhor. Se alguem faz isso, essa pessoa ainda e' uma pessoa natural e carnal.

Ha' grande enfase na musica na igreja evangelica porque Deus habita no meu de louvores. O louvor e' uma expressao de adoracao. Basta alguem frequentar uma igreja evangelica e essa pessoa fica exposta a musica. Algumas igrejas financiam um ensino musical. Quando adolescente, ganhei um curso basico de piano totalmente custeado pela igreja, isso foi e e', uma tremenda bencao na minha vida.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
juriscode
Administrador
Administrador


Registrado em: Quinta-Feira, 11 de Novembro de 2004
Mensagens: 8842
Localização: Iporã/PR

MensagemEnviada: Ter Abr 13, 2010 10:22 am    Assunto: Responder com Citação

Quando Cristo foi tentado a se jogar do alto do templo ele estaria se abandonando à providência de Deus para que algum anjo o segurasse para que não tropessasse em alguma pedra. Isso é contexto bíblico.

Correto. Então o meu pai que é marcineiro e reformou todos os bancos da Igreja, fez os pulptos, as portas, a pia batismal... Até hoje continua fazendo camas para casais que estão amazeados, convivendo sem os laços do matrimônio, fez móveis até pra zona de prostituição. Será que deveria ser outro marcineiro a fazer esse favor à Igreja? Até porque meu pai não ganhou nada, apenas cobrou o valor do material e do pagamento do funcionário que ficou 15 dias fazendo só isso. Se não fosse meu pai a fazer o trabalho ele não seria feito. Sem contar que você fala dos músicos da noite como se fossem pecadores contumases, ou que tocar na noite fosse um trabalho indigno.

De novo digo. O músico profissional não é um pecador, não está usando do dom para o mundo, mas, pelo contrário, está ganhando o sustendo de maneira digna e honrada. O músico profissional não é um promíscuo, mas um trabalhador. Se ele toca também na Igreja, ele está dando o melhor de si em louvor a Deus.

Deus habita em mim, mesmo que eu esteja num bar, não apenas no louvor, até porque, onde quer que eu esteja, eu procuro ser luz. O mesmo com o músico. Se ele trabalha com música, e toca na Igreja, merece mais reconhecimento do que se tocasse só na Igreja, porque ele está trabalhando de graça pra Igreja.

E a música que toca no mundo está cada vez mais parecida com as que tocam dentro da Igreja, por isso que na Igreja Católica não falamos em Músicas, mas em cânticos. A CNBB tem uma publicação sobre os grupos de música (e não ministérios, porque músico não é ministro) e sobre a postura que eles devem ter. Acho que seria interessante todas as Igrejas lerem, não que seja um ato de autoridade (para mim é), mas é uma publicação das mais sensatas que eu já li sobre a questão da música nas celebrações. Coloca a música no seu devido lugar.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário MSN Messenger
prsergioleite



Registrado em: Domingo, 24 de Janeiro de 2010
Mensagens: 187

MensagemEnviada: Qua Abr 14, 2010 4:32 am    Assunto: Responder com Citação

juriscode escreveu:

De novo digo. O músico profissional não é um pecador, não está usando do dom para o mundo, mas, pelo contrário, está ganhando o sustendo de maneira digna e honrada. O músico profissional não é um promíscuo, mas um trabalhador. Se ele toca também na Igreja, ele está dando o melhor de si em louvor a Deus....


Nossa, me perdoe, mas como voce mistura as coisas !
De uma olhada no topico " Alguem aqui toca em uma Igreja "
Voce tera' ali varias respostas de pessoas que servem o Deus-Vivo.
Por gentiliza, Me perdoe, mas permita-me dizer algo; Voce e' guiado pelo que ve, percebe, sente e capta ,
e tudo isso e' fundamentado no seu ponto de vista, baseado na sua opiniao , visto na sua perpectiva.
Me perdoe, mas Voce esta' com uma visao secular. A Biblia te ampara, mas a Biblia nao te guia: Voce se auto guia.
Para voce nao tem diferenca de ambiente... viver consagrado e' coisa so' para o clero..., nao fazendo nada contra o proximo, esta' tudo bem..tudo acaba em pizza... .
Me perdoe, mas nao e' assim que a Biblia ensina. Ela fala o seguinte = " Se alguem nao nascer de novo, nao vera' o Reino De Deus "( nascer e' espiritual ).
A Biblia tambem fala o seguinte = ..." Sem santificacao, ninguem vera' o Senhor "... " Andai em Espirito "... " Nao vos conformeis com este mundo"... " O mundo jaz no maligno.." ..." Nao ameis o mundo... " ... " quem anda na carne nao agrada Deus ..." etc, etc e etc....
Me perdoe, mas eu nao jogo Deus para o escanteio...
... Deixa para la, encerremos por aqui.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
juriscode
Administrador
Administrador


Registrado em: Quinta-Feira, 11 de Novembro de 2004
Mensagens: 8842
Localização: Iporã/PR

MensagemEnviada: Qua Abr 14, 2010 10:32 am    Assunto: Responder com Citação

É que Deus não escolhe os capacitados, capacita os escolhidos. Há diferença de ambiente e de postura, vai da obediência. A obediência guia as ações dentro dos regulamentos.

Sem contar que impossibilitar um músico profissional e tocar na Igreja talvez estivéssemos atrapalhando que o Espírito Santo aja na vida desse músico.

Em algumas Igrejas os músicos tê status de ministros, não na católica. Na católica são apenas músicos.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário MSN Messenger
prsergioleite



Registrado em: Domingo, 24 de Janeiro de 2010
Mensagens: 187

MensagemEnviada: Qui Abr 15, 2010 3:26 am    Assunto: Responder com Citação

juriscode escreveu:

Em algumas Igrejas os músicos tê status de ministros, não na católica. Na católica são apenas músicos.


Ministro de Musica e' um termo erroneo nascido, copiado e xerocado daqui dos EUA para o mundo.
Infelizmente esse termo e' utilizado por muitas igrejas, em substituicao ao titulo correto : Lider de Louvor.
Nao sei quem inventou isso ou quem saiu com esta ideia: mas nao e' correto.
Biblicamente falando, musica em si mesmo, NAO e' ministerio, musica e' uma area do culto, ou seja, uma atividade da igreja,
bastante enfatizada na Biblia para ser utilizada nos cultos 'a Deus.
A mesma Biblia deixa bem claro em Efesios 4:11 e 12 quais sao os Ministerios, todos os ministerios ali mencionados estao envolvidos com a palavra falada, ( pregacao, ensino, etc ) Nada com a palavra cantada.
Antigamente tinha "coral" , havia o "regente". Depois, veio o "grupo de louvor" surgiu o "dirigente de louvor " ,
hoje tem a "banda" ,apareceu o nome de "ministro"....
Chamam de ministro porque a pessoa esta' " ministrando " o louvor. ( mais um outro verbo com conotacao erronea ) ,
na sinagoga seria a pessoa que eles denominam de "Cantor" (dirigente de louvor )
Como disse antes : um termo incorreto, nome improprio, made in USA, carimbado pelo Tio Sam....
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
Mostrar os tópicos anteriores:   
Novo Tópico   Responder Mensagem    Fórum Cifras - Índice do Fórum -> Música Sacra Todos os horários são GMT - 1 Hours
Ir à página Anterior  1, 2
Página 2 de 2

 
Ir para:  
Enviar Mensagens Novas: Proibído.
Responder Tópicos Proibído
Editar Mensagens: Proibído.
Excluir Mensagens: Proibído.
Votar em Enquetes: Proibído.


Powered by phpBB © 2001, 2012 phpBB Group